quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Acho que é praga

Eu não sei por alma de quem, mas a prog de programação já me chama "a faladora". E a cena é que estive mesmo atenta, quem me fazia rir eram os dois gajos ao meu lado, que se conseguiam manter sérios e eu não...
Triste vida, porra. Sempre com a mesma sina.

4 comentários:

JS disse...

Epá, há aqui qualquer coisa estranha. Parece que falta algum elemento de ligação, ou alguma palavra trocada.
Não consigo perceber o sentido do início da segunda frase (E a cena é que estive mesmo a tempo...)

Pronto, mas percebe-se o essencial: continuas a ser a fala-barato de serviço. :)

JS disse...

Ahhh, "atenta"... olha, juro que não estava a gozar. É que não tinha percebido mesmo. :)

R* disse...

Epá é preciso ter azar!

Green disse...

Deixa lá, é a tua característica :)