segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Ups

Fui ao cinema com uma amiga. Estávamos então na caixa e a jovem não tinha a certeza se tinha dinheiro suficiente no cartão. Assim que a operação foi confirmada, ela solta um suspiro de alívio e eu, que me esqueci de que lá estava mais gente, exclamo:
- Ah boa! Já não tens que ir vender o cu para pagares o bilhete!

Nisto o jovem da caixa até se engasga. Começa tossir, todo engasgado, e dá-nos os bilhetes, todo aflito. Eu limitei-me a pedir desculpa pelo ataque mental e a sair dali o mais depressa possível.

Entretanto, no fim do cinema, fomos para o carro e ela tinha deixado as luzes ligadas e portanto estava sem bateria. Lá foi a minha bela figurinha empurrar o carro, lindo de se ver, garanto. Duas atolambadas de volta do carro.

12 comentários:

Lani disse...

Ahahahah só tu xD *

JS disse...

Porra, deixas uma pessoa envergonhada em qualquer lado. ahah

Sofia disse...

No outro dia eu estava na posição da tua amiga! ahah, é mesmo uma sensação de alívio xD

Rafael Souza disse...

Hahaha

Adorava sair contigo!

(não no sentido romântico da cena, estás a ver; é mesmo só naquela de me rir à bruta)

A.C. disse...

Epa se eu fosse o empregado ainda me tinha rido.

Indigo disse...

Ahahahah... Sempre a passar bons momentos.

Karina sem acento disse...

Lol só tu!

Rita disse...

Ahahaha acontece:P

TimTim disse...

acho que isso foi Karma xD

Briana disse...

Ahah esse comentário foi de mestre.. Mas o karma é lixado e tiveste que empurrar o carro

Margarida disse...

Só pode ter sido Karma... Da próxima não dizes nada, pode ser que não tenhas que empurrar o carro ahahah

Bj
http://the-blog-ofmylife.blogspot.pt/

Green disse...

Ahahahah, só tu.