segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Ainda lhe arranjo um ataque cardíaco

Eu e o puto a gozarmos com a mãe. Entretanto a mulher já passada da cabeça, diz aquilo que eu costumo dizer ao meu irmão, que é qualquer coisa como:
- Arranjem uma pilinha para brincar, arranjem!

Eu meto a minha cara triste e digo:
- Oh, olha olha... eu até arranjava!

O meu irmão riu-se durante dois segundos, até perceber o que é que eu tinha acabado de dizer. Depois disso ficou cinco minutos assim:


Esqueçam, não há nada melhor do que fazer estas piadas à frente do puto, que ele é o típico irmão que fica com cara de "tu és um ser assexuado!"

2 comentários:

metenojo disse...

É assim que se arranjam traumas de infância. ;P

Green disse...

Ahahahah, imagino.