segunda-feira, 22 de junho de 2015

Qué frô?

Quando eu digo que eu e o puto somos muuuito diferentes e ele parece um marroquino e eu uma boneca de porcelana, não minto. No entanto, e estranhamento, ele é parecido com a mãe eu com o pai.
Então no outro dia um cliente do restaurante que já vem cá há imenso tempo, pergunta:
- Olhe desculpe a pergunta, e se quiser não responda mas eu sou mesmo curioso: os seus filhos são de casamentos diferentes, não são?

Nesse momento viro-me para o meu irmão e digo a rir:
- Puto... há uma coisa que precisas de saber: há 15 anos, a mãe teve um caso com um preto.

A minha mãe desata a rir, explica que somos adotados e o homem não acredita (nunca ninguém acredita, não sei porquê). Lá o convencemos de que era verdade e ele ficou muito espantado porque não fazia ideia e estava super convencido que eu era filha do meu pai e o puto era filho da mãe, pelas parecenças. 

7 comentários:

Ines sampaio freitas disse...

Pelo que escreves, repara-se que és muito parecida com o teu pai :P

Xiá CC disse...

Pois bem, eu e o meu irmão estávamos a passar pelo sítio onde ele trabalhava e no dia a seguir dizem_lhe: "Pois, ontem estavas a passear com a tua namorada nem nos cumprimentaste..."
Eu e o meu irmão temos 9 anos de diferença xD , ele tinha 22 e eu tinha 13 (sempre fui alta para a idade xD).

o bo(l)bo da corte disse...

Quem vê a adoção de fora, não faz ideia de que um adotado pode lidar tão bem com a adção como tu lidas e à primeira fica naquela: esta gaja deve estar a gozar. Pelo menos comigo foi assim. Mesmo depois de saber, durante uns dias era um pouco estranho... sei lá, havia um certo receio de dizer alguma coisa que caísse mal... :)

Ivânia Barbosa disse...

gostei do titulo, boa referência xD

estrela disse...

olha que engraçado!!!
acho muito bom!

Green disse...

Que giro :)

Roger disse...

Eu e os meus irmãos somos todos filhos do mesmo pai e da mesma mãe, mas somos fisicamente tão diferentes que também já houve quem perguntasse se éramos meios-irmãos :P