quarta-feira, 22 de abril de 2015

Às vezes até dói

Descobri uma gaja no face, daquelas pérolas mesmo. Com um nome estúpido, magra mas de cara parecia que se tinha metido à frente do TGV, e claro que as fotos têm de ser sempre de lado para mostrar simultaneamente o cu e as mamas. 
Então entretive-me durante um tempo a ver aquilo tudo, quando encontro a seguinte publicação:


Mas porque é que tem de existir gente tão burra neste mundo, porquê? É que chega a doer. É que depois nem dá para disfarçar do género "eles são mais humanos que nós" porque pronto, aquilo foi mesmo burrice pura. 

6 comentários:

Indigo disse...

Epa... não é fácil!

Cris Duarte disse...

O facebook é uma amostra fantástica da burrice alheia... E os erros ortográficos? Até dói!! :)

o bo(l)bo da corte disse...

Tem de existir gente burra, pelo mesmo motivo que existe gente má. O bem não existe sem o mal. Sem o mal, tudo o resto era igual: nem bom, nem mau.
Se não existisse gente burra, não existia gente inteligente.
Sem gente burra era tudo igual e tu não serias esse poço de inteligência a tirar dezoitos e vintes. ahahah

Não sei porquê, mas acho que este comentário vai fazer companhia ao outro. Ai vai, vai... ahahah

Sara disse...

Ahah que grande pérola!

Abby disse...

Oh meu deus. Muito inteligente ela

Green disse...

Ahahah, mesmo!