sábado, 3 de janeiro de 2015

Alguém me entende?

A grande merda de ser gaja é mesmo aquela tpm'zinha que me faz ficar carente para caralho e a deprimir que nem uma triste abandonada no mundo.

Eu juro, às vezes adorava ter nascido com o outro cromossoma. Não ter esta merda deve ser cá um alívio. É isso e poder mijar de pé.

11 comentários:

JS (apeteceu-me mudar) disse...

Vou-te dar uma dica:
Faz como a minha avó, que usava umas saias compridas e largas, tipo as das ciganas e mijava de pé, encostada à pocilga. A primeira vez que ouvi (tinha os meus 5/6 anos), pensava que era o porco a mijar.
Quem é amigo, quem é??? eheheheheh

Quanto ao resto, como deves imaginar, não posso ter grande opinião, mas afianço-te que aturar gajas com TPM, não é melhor. eheheh

Pronto, agora a piada subtil.
Não te sintas assim, porque se há coisa que tu não és, é "abandonada". :/
Desculpa, não resisti. eheheh

Estudante disse...

Às vezes também gostava de ter nascido homem ahah :D

Francisca disse...

Eu entendo, passei a transição do ano assim :(( as melhoras!

Amelia disse...

olá se entendo!

Rainha dos Tropeções disse...

Eu percebo-te. Odeio ser gaja. Ás vezes sofro de uma coisa chamada síndrome do abandono, e isso é TÃO coisa de gaja omfg. Mesmo assim ainda consigo ser uma besta nos restantes 28 dias do mês, por isso não me afeta muito. Graças a Deus xD

Bella Condessa disse...

ahahahaha essa do mijar em pé é que é de valor! Isso sim seria uma preciosidade!

Upsss! disse...

Deves ser uma pessoa muito bem disposta. Apesar de se perceber que a vidinha não está fácil, consegues rematar com uma nota humorística, bem ao teu estilo.
Mijar de pé tem alguns inconvenientes. O principal é quando está vento levar com o mijo de volta. ;P

C. disse...

e nao me preocupar com depilação... make-up... esticar o cabelo...

Abby disse...

Há um momento em que todas as mulheres desejariam ter nascido com outro cromossoma. Mas depois passa

Green disse...

Concordo.

Anira ♥ disse...

Pergunto-me várias vezes se não seria melhor ser rapaz ;)
Beijo*
http://i-set-my-world-on-fire.blogspot.pt/