segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Oh senhores

Hoje de manhã ao sair de casa olhei para o chapéu de chuva e pensei "safoda, também não está a chover" e saí de casa, deixando o dito cujo muito bem pendurado no cabide.
No caminho, começa a chover, é claro.
E quando estava a chegar ao parque de estacionamento da escola, a chuva intensifica-se bastante, começando a molhar para caraças.

E é neste momento que a fofa da Patrícia entra num monólogo:
- És mesmo estúpida! "Vamos deixar o chapéu em casa"... Levá-lo para quê? Agora apanhas com chuva no lombo que até te fodes... 
E nisto reparo que tenho um homem dentro do carro a olhar muito sério para mim.
E relembro-vos, queridos seguidores, que eu estava a falar sozinha, a alto e bom som. E portanto o que é que eu faço? Começo a mexer na orelha e a fazer de conta que estava a falar ao telemóvel. 

Super discreta, super discreta...

7 comentários:

Indigo disse...

Ás vezes também começo a falar sozinha na rua. Há sempre alguma alminha que fica a olhar para mim como se fosse louca.

Jota Esse disse...

Acontece-me isso nos locais mais inusitados. Vou caminhar para um campo supostamente ermo e quando eu estou mesmo entusiasmado num monólogo (ou num diálogo comigo mesmo), há de aparecer sempre algum "atleta" do colesterol, que passa por mim a olhar-me de lado.
Só que eu tenho desculpa... é da idade. :S

Green disse...

Toda a gente fala sozinha, só que há os que admitem e os outros. Honestidade acima de tudo.

Susana Santos disse...

ahahah mesmo discreta xD
eu também falo muito enquanto ando na rua e há sempre alguém a ver como se fosse uma coisa de outro mundo.

Beautiful Day disse...

Já me comecei ir na rua, lembrar-me de alguma coisa e começar-me a rir sozinha. Um senhor para mim: A menina vai muito alegre.

Beatriz Sousa disse...

ahaha, deixa lá não és a única. Eu falo muito sozinha e rio-me muito, ás vezes os meus pais entram no meu quarto para verem com quem é que estou a falar. Quando percebem que estou alone, dizem que só posso ser doida e que um dia levam-me a psiquiatra.

Luna disse...

E rir sozinha na rua alto?É tão brutal xD