quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Isto não é nada grave, não

Quando eu digo que sou muito distraída/esquecida, as pessoas não têm bem noção do nível da coisa. Eu não estou a gozar quando digo que me esqueço de coisas que me acabam de dizer.

O meu explicador mandou-nos uma sms a pedir para que, quando chegássemos a casa dele, lhe déssemos um toque para o telemóvel em vez de tocarmos à campainha porque ele tinha os filhos a dormir.
E, veja-se, eu e a outra bicha falamos sobre isso no caminho, que são só dez minutos de minha casa a casa dele.
Mas quando eu chego à porta dele, qual é  primeira coisa que faço? Pois. Toco à campainha. A bicha bem que gritou "nãaaaao" mas esquece, a merda já estava feita.
Depois apeteceu-me enterrar a cabeça em qualquer lado quando cheguei ao pé do homenzinho...

9 comentários:

Indigo disse...

Eu também sou muito esquecida. Passo o dia a dizer «não me posso esquecer disto». Mas depois chega a altura e esqueço-me :/

Serena disse...

História da minha vida. Isso e marcar dois comprimissos para a mesma tarde.

Jota Esse disse...

Não és só tu. Isso é mesmo coisa de gaja.

Beautiful Day disse...

Incrível como me imagino a passar por essa situação. :)

Laura disse...

ahah também sou muito esquecida :p

mmm´s disse...

E acordou as crianças?
Bom ano!

S. disse...

só fazes asneira Patrícia, haha x) bom ano !

Karma disse...

identifico-me com isto. eu também sou assim x)

Green disse...

Pedias desculpa, era o melhor...