quinta-feira, 11 de abril de 2013

Aquele mood que eu amo

Ando para apagar o blog há semanas. Estou farta de gente parva e problemas, já tenho que cheguem. 
Hoje estou a ter um dia de merda, tenho vontade de mandar o mundo às favas, e não me parece que a vontade passe tão depressa. 
Com sorte, é hoje que o blog vai à vida. Nem vale a pena pedir desculpa aos seguidores, porque vocês já sabem... Mas se apagar, meto apenas em privado, para vos poder comentar na mesma.
No entanto, não se espantem se vierem cá e o blog não existir. Estou mais para isso do que para outra coisa.

6 comentários:

O Almocreve disse...

Lamento que penses assim, mas já dei para este peditório.
Pedi-te tanto que não desses tempo de antena... mas decidiste ignorar os meus pedidos. Diria até que fizeste questão de ir contra os meus pedidos.
Tenho muita pena, acredita... mas a única coisa que posso fazer é insistir que não vás. :(

Starlight disse...

Tenho pena, mas se achas que é o melhor, força. Beijinhos

A disse...

Espera até amanhã para decidires. Dormir sobre o assunto faz muito bem, e talvez acordes com outro ânimo!

S* disse...

Mau maria. o blogue é teu, não o abandones por causa de terceiros.

Jéssica Reis disse...

Somos duas.

Green disse...

Essas pessoas que não tem mais que fazer, não merecem isso, acredita.