domingo, 30 de outubro de 2011

Às vezes...


Às vezes não é fácil estar sempre animada. Às vezes quero chorar, espernear, gritar e ir-me embora.
Não é fácil tentar ser forte e ter de sorrir quando o meu corpo implora por uma lágrima. Uma lágrima que seja.
E quero tanto essa lágrima. Quero tanto estar sozinha, num sítio onde ninguém me impeça de chorar.
E não preciso que ninguém me diga nada, não preciso que me animem. Não. Apenas preciso que me deixem chorar. Às vezes o silêncio preenche todas as brechas que tenho em mim.
Por isso, apenas preciso que se sentem ao meu lado e que me digam que não estou a ser mimada, que isto não é um capricho.
Talvez quando eu chorar, talvez depois das lágrimas se revelarem, eu passe a ver tudo de outra forma. De uma forma mais simples e menos dolorosa.
Pelo menos, assim espero.

18 comentários:

Estudante disse...

Todos temos os nossos momentos menos bons... às vezes também faz bem estarmos só connosco ;)

Patrícia disse...

É verdade... às vezes é mesmo o melhor :)

Susi disse...

Sim, chorar ajuda de facto. Se quiseres chorar- chora. Se quiseres rir- ri. Vive intensamente e não escondas as tuas emoções :)

Patrícia disse...

É verdade, se calhar é mesmo o que tenho de começar a fazer. Embora rir já eu faço e não é pouco :D

patrícia disse...

Chora quando quiseres, quanto mais escondes, pior é..
E AMO o título do blog! :)

Y disse...

Ás vezes precisamos de estar sozinhos para refletir sobre vários assuntos que nos atormentam a cabeça...

Patrícia disse...

patrícia- É... tens razão :) E coitada de ti que já me aturaste vezes e vezes... :D

Y- É mesmo...

Patrícia disse...

PS- patrícia, obrigada! Ainda bem que gostas :D

patrícia disse...

E vou aturar sempre, quando precisares! Também me aturas tola :)
De nada :D

Patrícia disse...

Obrigada :)
E digo-te o mesmo*
Olha vou mas é estudar física que a minha vida não é isto! :D

Mim disse...

A sociedade ensina-nos a ser "hipócritas", a esconder sentimentos, a apresentar sempre uma fachada retocada, mesmo quando nos sentimos todos "embrulhados" sem saber o que fazer da vida.
As lágrimas são como aguaceiros de fim de Verão. Ajudam a assentar o pó e a clarificar ideias.

Patrícia disse...

Wow tão profundo... Adorei!
Sim senhor... :)
E sim, é bem verdade, as lágrimas têm a capacidade de nos fazerem ver as coisas de forma diferente, mais calma.

Maria disse...

A vida tem altos e baixos, nunca deves esconder os teus momentos baixos de quem te rodeia!
É nesses momentos que vês quem são os verdadeiros amigos, pois esses são aqueles que nunca te deixarão, nos bons e maus momentos.
Não tenhas medos de exprimir o que sentes só porque achas que a sociedade pode reprovar. Esquece a sociedade,concentra-te naquilo que tu queres!
Ri, chora, salta, cai, levanta-te, mas acima de tudo, vive!

Patrícia disse...

Obrigada Maria, a sério* :)

Gasper disse...

Oh Patrícia, há alturas em que única solução saudável é sentar chorar, espernear e assim clarificar as ideias.

Patrícia disse...

É mesmo... Isso ou matar alguém haha :)

Miss Murder disse...

As vezes gostávamos de ser outra pessoa que não nós, nem que por breves instantes.

Patrícia disse...

É bem verdade...