quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Aranhas everywhere!

Ontem, estava eu a entrar no prédio, e vejo uma coisa a mexer-se. Olho e era uma aranha enorme! E desta vez não estou a exagerar! Era meeeesmo enorme! Tudo na bicha era enorme: as patas, a barriga gorda... que nojo! Desatei a correr escada acima e só parei em casa (ultimo andar) não fosse a pariga tentar matar-me.
Pois a minha avó, mais tarde, entrou no prédio e decidiu meter-lhe um pé em cima. Assim que calcou a bicharoca, e segundo o testemunho dela, montes e montes de aranhões pequeninos saltaram da barriga da bicha. Eu juro-vos que se tivesse sido comigo, desmaiava ou então gritava até despertar o prédio todo. 

Agora está outra aranha do mesmo género na parede do meu prédio, do lado da varanda. Está longe por isso a avó não a consegue matar mas a bicha maldita anda à procura de lugar para desovar. Já fechei as janelas todas daquele lado, não vá a puta entrar-me em casa e eu morrer de ataque cardíaco. 
Ai a sério, não há criatura mais asquerosa e nojenta que as aranhas.

10 comentários:

Orquídea disse...

a quem o dizes :S brrr...só em ler fiquei toda arrepiadinha :S

A Friend disse...

Também não sou lá muito admirador das arranhas...

Gostei do teu blog,segui

Eva Smith disse...

Ahahah eu odeio aranhaas

Hanna Marin disse...

Credo !
Não há ? Devias olhar para a rapariga nova da minha turma xD a bicha é feia q eu sei lá !

Briana disse...

ainda por cima anda a parir ao pé de ti

Bea xD disse...

Também não gosto muito!

Green disse...

Há imensa gente que não gosta nada de aranhas como tu, a mim não me fazem impressão, confesso.

Itor disse...

Eu ate gosto

Athena disse...

Sua maldita! Porque tiveste de falar na puta de uma aranha com mini-aranhas!?
Acho que é melhor incendiares a casa! xD

PessoaSemValor disse...

as filhas da mãe entram quase por qualquer lado xD